Topo

Histórico

Categorias

“Conheci um homem 30 anos mais novo na internet e ele quer casar. E agora?"

Karin Hueck

15/11/2019 04h00

Está precisando de um conselho? Mande a sua pergunta para se.conselho.fosse.bom@bol.com.br

Relacionamento com diferença de idade: pode dar certo?

E se for só por grana?

"Conheci um jovem em site de relacionamentos, 30 anos mais novo que eu. Já começa por aí. Ele insistiu muito, e tentei explicar para ela que isso não poderia acontecer, que não é normal. Ele, o jovem, afirma que se completa comigo, e se sente bem. Ele não mora no mesmo país que eu, e quer vir para cá onde moro. Acontece o seguinte: entendo que ele possa ter-se apaixonado, porque, apesar da idade que tenho, ainda sou bonita, cheia de vida etc. Mas também tenho certeza que deve ser o lado financeiro. Gostaria de um conselho de vocês. O que acham de um relacionamento entre um jovem 30 anos menos que a namorada? Ele tem 54 anos e eu, 84 anos." Ass.: Amor virtual


Cara namorada virtual,
Acho que relacionamentos com grandes diferenças de idade podem "ser normais", sim, desde que ambos sejam adultos e concordantes. No seu caso, porém, eu ficaria com alguns pés atrás. Pelo que entendi, vocês não se conhecem pessoalmente e você tem uma condição de vida mais confortável do que ele — além do fator da idade. Mas o maior sinal de alerta vem do fato de ele "ter insistido muito" com você, mesmo com as suas negativas. Me parece que ele está forçando a situação, o que me faz desconfiar muito das intenções dele. Eu pensaria duas (ou dez) vezes antes de colocá-lo num avião e trazê-lo para a sua casa. O ideal seria conhecê-lo pessoalmente em "território neutro", com pessoas próximas a você por perto, antes de chamar de namoro. 

Veja também

Não sou lésbica, mas veja bem…

"Olá, estou precisando de uma ajudinha! Comecei há alguns meses a fazer aulas e estou muito a fim da minha instrutora. Eu (teoricamente) sou hétero, porém já tive aventuras de um noite com pessoas do mesmo sexo. A questão é que eu não consigo parar de pensar nela. Quero mesmo conhecê-la, saber da sua história de vida, sair com ela… Mas eu não sei se ela curte mulheres e não sei como abordá-la nesse assunto, pois é a primeira vez que me interesso de verdade por uma garota. Não faço ideia de como agir, me ajuda!" Ass.: Tô perdida 

Cara perdida,
Se as suas intenções são românticas com ela, em algum momento você vai ter que perguntar se ela tem interesse em mulheres. Mas acho que não precisa ser logo de cara. Use o tempo depois das aulas para conhecê-la melhor e usar do seu bom-senso. Ela gosta de bater papo com você? Como ela age quando vocês conversam? Você tem a impressão de que a está incomodando? Se ela estiver incomodada de alguma forma, deixe para lá. Mas, se não, você pode convidá-la para sair, tomar um café ou um suco (melhor evitar bebidas alcoólicas nesse primeiro momento). Nesse contexto, fora da academia, você pode explicar que não é sempre que isso acontece, mas que você está atraída por ela. Aí é ver o que ela responde. Se ela disser que não tem interesse, volte à relação amigável original.

Está precisando de um conselho? Mande a sua pergunta para se.conselho.fosse.bom@bol.com.br

Sobre a Autora

Karin Hueck é jornalista e escritora. Foi editora da revista "Superinteressante", colaborou para alguns dos maiores veículos do Brasil e tem 5 livros publicados.

Sobre o Blog

Se Conselho Fosse Bom é uma coluna de conselhos sentimentais, existenciais e práticos. Está com problemas no trabalho? Sua família te enlouquece? Não sabe se casa ou compra uma bicicleta? Mande as suas dúvidas para o se.conselho.fosse.bom@bol.com.br As respostas são 100% anônimas.

Se Conselho Fosse Bom