PUBLICIDADE

Topo

“Socorro, criei um fake no WhatsApp para seduzir minha crush. E deu certo"

Karin Hueck

14/08/2020 04h00

Está precisando de um conselho? Mande a sua pergunta para se.conselho.fosse.bom@bol.com.br

Imagem: Pexels

Minha ex quer voltar comigo a qualquer custo. Diz querer envelhecer comigo, que me ama e que não quer mais ninguém no mundo. Mas eu não confio nela. Por isso, fiz um WhatsApp fake de um ex ficante dela e acabei pegando papos quentes com ele, que no caso era eu. Consegui até marcar de sair para transar com ela. O que eu faço?
– Fake tudo
– Caro fake tudo
O que você fez ao se passar por outra pessoa é uma das coisas mais condenáveis que alguém pode fazer em um relacionamento. É invasivo, controlador e mentiroso. O que você "pegou" foi uma pessoa solteira flertando com outra. Ela pode realmente te amar, mas, ao não ser correspondida, querer transar com outra pessoa. Talvez você não saiba, mas é possível fazer sexo sem amor. Mas, claro, ela também pode estar mentindo para você e não ser digna da sua confiança. Difícil saber no meio de toda essa confusão. Quero acreditar que ela te deu motivos para você chegar nesse nível de paranoia –ela te traiu, provavelmente. Dito isso, não acho que vocês tenham condições de voltar, não com esse grau de desconfiança.

Veja também

 

Olá, estou namorando há 13 meses, tenho 30 anos e esse é o meu primeiro namoro sério. Estamos morando juntos também, há sete meses. O meu problema é que eu sempre baseio meu namoro em lances antigos que tive. Sou tão inseguro que a ideia de ela achar outro cara mais atraente que eu não sai da minha cabeça. Ela prova que não é igual às outras, mas, por ser inseguro, sempre acho que ela vai me deixar. Eu a amo e quero ser perfeito para ela, falta coragem de falar isso pra ela.
– Não tão bom assim
– Caro não tão bom assim
Primeiro, é importante que você entenda que é impossível ser uma pessoa ser perfeita. Isso vale para você e para a sua namorada, que, sim, ao longo do seu relacionamento, vai acabar te decepcionando de uma forma ou de outra. Você também vai fazer coisas que a desagradam. Isso é normal, somos todos humanos, contratempos podem ser superados, e isso não quer dizer que "ela é igual às outras". (Cuidado com essa frase, aliás. Parece que você está criando expectativas irreais sobre a sua namorada –além do fato óbvio de que as mulheres não são todas iguais, e não estão todas conspirando para te machucar). Dito isso, acho que seria bom você procurar uma terapia para olhar para a sua autoestima. Se você não consegue conversar abertamente com a sua namorada e vive na constante ameaça imaginária de ser trocado por outro, a vida deve estar muito difícil para você. Você precisa entender que tem qualidades e que a sua namorada está com você porque quer, e não porque qualquer bonitão da esquina não deu bola pra ela. Lembre-se: insegurança extrema é muito pouco sexy. Terapia pode ajudar.

 

Está precisando de um conselho? Mande a sua pergunta para se.conselho.fosse.bom@bol.com.br

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL.

Sobre a Autora

Karin Hueck é jornalista e escritora. Foi editora da revista "Superinteressante", colaborou para alguns dos maiores veículos do Brasil e tem 5 livros publicados.

Sobre o Blog

Se Conselho Fosse Bom é uma coluna de conselhos sentimentais, existenciais e práticos. Está com problemas no trabalho? Sua família te enlouquece? Não sabe se casa ou compra uma bicicleta? Mande as suas dúvidas para o se.conselho.fosse.bom@bol.com.br As respostas são 100% anônimas.